Ciao Milano

Dia 30 de Julho. Exame de projecto depois de uma noite sem dormir. Última entrega de projecto. Última maquete…última cadeira…e hora de dizer adeus.

Desde Roma, ficou para trás um mês e meio que passou a voar, entre arquitectura da paisagem, um regresso à Suiça para uma tarde nas Termas de Vals do Exmo Sr. Peter Zumthor. Piscinas de água quente, muito quente, cheirosa ou gelada. Piscina no exterior…e no meio dos alpes. Salas com janelinhas por onde só se vê verde ou uma casinha…quiçá uma vaca! Mas para mim, o melhor da Suiça continua a ser a própria Suiça. Verde. De carro e na Primavera.

Ficou para trás a visita da Tia Cá, chegada num dia de famosa tempestade milanesa! Uma tarte de amendoa com sabor a casa, conversas nas varandas (na nossa e na do Duomo), passeios, regresso a Sta Margherita em descapotável e mais conversas. Daquelas que só tenho com a tia. Porque a tia é A Tia. E mais não digo porque não sei dizer. Mas também sei  não preciso. Soube tão bem a visita!!! Mesmo entre tempestades e trovoada! 😉

P1050942

P1050957

Ficou para trás mais um regresso a Sta Margherita, mas desta vez com a desculpa de ir para estudar…que se estuda tão bem na praia…e não é que não correu mal de todo!?

Ficou um aperitivo memorável no Navilglio. Esplanada e cocktails, melgas e mosquitos. Amigos. Antecipação das saudades que vamos ter…brindes na porta ticinese, os gelados grom, as conversas e as pernas cruzadas e rabo no chão nas colunas de São Lourenzo…

Ficou um “assalto” à piscina do Politecnico as duas da manha. Saltar a primeira grade (não há rabo que não fique entalado). Passar entre a segunda (“primeiro a cabeça!! Encolhe o rabo!!!”). Saltar uma outra terceira. Ver as luzes do edifício da polícia que dá para a piscina e tentar nao fazer barulho. Agua gelada, mas tinha que ser! E depois já ninguém queria saber do barulho, estavamos lá e pronto! E com frio!!

E entre estas coisas foram semanas intensas de trabalho. Trabalho que não sabe bem aqui em Milão. Porque Milão é bom é para andar na rua, não para estar em casa. Ver as pessoas partir. Ficar e trabalhar. Foste também tu, mula de um raio, cheia de lamechices, que agora percebo bem. MAS EU ESTIVE CÁ UM ANO!!! =) Sabe.me bem que me ligues e tenho saudades tuas…das tuas parvoices, vá…das tuas histórias completamente alucinadas/ridículas/hilariantes. Maria Mula para mim!! =)

Apresentar projecto. Sentir um certo vazio que não sabia explicar. E no caminho de taxi para casa  perceber. Perceber que me vai fazer falta andar assim em Milão. Cidade que achei feia e À qual me habituei assim. Fim de tarde a olhar para o Duomo. Na via vittorio emanuel. O eterno caminho do três para a porta ticinese e para o naviglio. Sentir que é a última vez. Que mesmo que se volte nunca mais vai ser o mesmo. Nó na garganta que não consigo evitar. Não é que acabei por gostar desta cidade?! E muito…Far-me-á falta. Tantissima.

Dizer adeus à tola da Aga. Que posso dizer que foi um pouco como a cidade. Primeiro estranhou.se, depois entranhou-se. Lembro-me da primeira vez que a vi. “Onde eu me vim meter!”. Miúda doida de quem vou ter saudades. Voltarei a vê-la. Na louca polónia da tão famosa vodka e na queima de tão famosa birra. Porque como qualquer polaco que se preze, a Aga aprecia é um bom alcool! E depois quem sabe.

Arrumar o quarto, a casa e ver tudo vazio. Como da primeira vez que aqui viemos. Sozinhas, desorientadas. Desesperadas até. E agora, estamos assim. Sozinhas em casa, e em Milão. Sem dúvida que outra vez um pouco desorientadas. Passaram dez meses. E é muito mais o que passa por mim agora. Sim, quero ir. Mas tambem não quero. Sei, de certeza, que vou ter saudades demais. Sei, de certeza, que nunca vou esquecer.

Muledo Olibeira, companheira de estábulo desta experiência que “é fantástica” (ihih): WE LOVE MILANO! 😉 *

Comments (1)

No, I’m not colorblind

I know the world is black and white

Try to keep an open mind

But I just can’t sleep on this tonight

Stop this train

I wanna get off And go home again

I can’t take the speed it’s moving in

I know I can’t

Deixe um Comentário

Já há mais de um mês que não escrevo e entretanto está quase tudo a acabar. O tempo tem voado, ando sempre com coisas para fazer.

Depois de ter regressado de casa, tivemos a visita do João. Matámos saudades daqueles tempos do início em que andávamos sempre os quatro de um lado para o outro…foi bom! =)

P1050385 E com direito a ver Shakespear no La Scalla, nos melhores lugares de sempre (para quem gosta de ver o fosso da orquestra…!)!!

P1050401

E seguir caminho para Roma. Roma capital. Roma onde os taxistas nos mandam ir mas é apanhar o metro que eles têm mais do que fazer do que andar a brincar aos motoristas. Roma onde nos hotéis se passam as reservas electrónicas para caderninhos de papel pautado (algumas, não todas, mas  o que conta é o que está no papel). Roma onde é mais seguro atravessar no meio da estrada quando os carros passam e ultrapassam do que no verde. E Roma das ruínas tantas vezes estudadas. Panteão inacreditável,  as termas de Caracalla, o Coliseu ali mesmo ao lado do Hotel, o Fórum, o Mercado de Trajano.  Roma das fontes, das cúpulas e do Renascimento, do Tempieto de Bramante perdido no cimo do monte que o pai subiu por mim!! Roma confusa, mágica, Roma que faz sorrir, sonhar, voltar atrás no tempo. Roma que não perde o encanto com os milhares de turistas que por lá passeam todos os dias.  Roma banhada pelo Tevere e que nos brinda com o Trastevere!! =) Roma do Vaticano, o TEXAS do Vaticano!

Roma do CHIN8 oferecido pelo senhor do café!!!!!!!!! e do Le mani in pasta!!! Roma dos gelados e granizados, do mercato dei fiori e dos fragolini di boscho! Roma com o pai e com a mãe de novo aqui comigo! Faltou o meu Chico, mas foi bom, muito bom, bom demais!

Obrigada por terem vindo, por mais este tempo comigo. Por sermos assim e nos darmos tão bem!

P1050431

P1050478

P1050494

P1050524

P1050530

P1050540

P1050543

P1050572

P1050623

P1050680

P1050705

P1050720

P1050736

P1050796

P1050789

Deixe um Comentário

Voltar a casa…e regresso a Milão com direito a viagens de bicicleta

7h30 da manhã! Acordar, olhar para baixo e ver a A1, o Freixo, o Estádio. Esticar o pescoço, olhar para o outro lado o ver o MAR! Não o mar como o daqui de Itália, mar a sério, o nosso mar, o Atlântico! Rir sozinha e pensar que dentro d pouco tempo vou sentir uma aragem no cabelo e o cheiro a maresia. A mar a sério!

Chegar e ter o meu Frederico à espera. Mil abraços. E começar o dia a comer clarinhas e ver o mar. Matar saudades da Apúlia!

Voltar a Coimbra e parecer que volto à rotina de fim de semana. Almoço tarde, num dos nossos sítios, pais e Chico, a galhofa e parvoíce de sempre o almoço inteiro! Sabe beeeem! =)

E partir rumo a Lisboa, namorar, enfrentar o dilúvio e jantar divinalmente.

Fazer a maior surpresa à minha Nocas e ouvir a Missa em Alemão. Ter os miminhos da Tia e dos Avós, as argolinhas da Versailles!

Cópia de Cópia de P1050295

DSC_0068

Voltar a casa por uns dias, passear por Coimbra, pela Figueira, matar tantas saudades!

E antes de voltar conhecer alguém novo! Mateus, cão langão, coisa mais fofa! =)

P1050336

Regressar a Milão. Sair. E tentar sair. Se não há transportes vamos de bicicleta! Se não há bicicletas para todos vão as mulas numa só! Mula falante a pedalar e mula mor atrás! Bonito serviço! 1 hora a rir à gargalhada, sempre às curvas, sempre quase a cair! Dores nas pernas e no rabo, fotos em andamento, carros a apitar!

P1050350 P1050360

Só tu, mula! Só tu para me fazeres passar por estas situações humilhantes e dolorosas!! Mula, mula, mula! E se estiver alguma coisa estragado não fui eu, não sei de nada! AH! JÁ DESLIGUEI!

Gosto de ti, ursa malabarista amestrada! Vê lá se não te promovo a palhaço!P1050349

Comments (1)

Santa Margherita

Ora, depois de uma noite complicada, à qual se seguiu um dia muito complicado (é molto complicato! Molto complicato! E anda mais devagar sff! Oh MUUUUUULA!!!), veio uma noite na companhia daquela que se dá por Busto qualquer coisa em espanhol OT, mas que a mim me parece mais uma mula falante com pilhas duracel! Horas e horas de conversa que me souberam a MEEEL!

E dormir duas horas e enfiar.me num comboio para Santa Margherita, essa lugar que já elegi como o meu cantinho de Itália! Mar, barcos, mto verde, pessoas simpáticas, casas bonitas! E passeei para matar saudades… e passei horas estendida ao sol e vários e longos minuto no Mediterrâneo! Gosto muito daquele pedacinho de terra. Voltarei!

Comments (1)

Sardenha

Amigas. Um carro. Um bungalow. Sol, calor e água azul turquesa como a dos postais!

3 dias de praia e banhos de mar. E estradas que não eram bem estradas para chegar ao “paradiseee”! Crianças num restaurante caro de gente grande e gelados, muitos gelados!

P1050035

P1050050

“Mari Pitau” – Mar Pintado

P1050055

P1050111

A nossa máquina!

P1050201

P1050115

Estradas complicadas…!

P1050211

Solanas

P5110236

O nosso bungalow!

Deixe um Comentário

Dia da Mãe

Tenho saudades de esperar por ti, de sairmos as duas, de vermos Irmãos e Irmãs e de comermos bolachas e gelatina à noite! Das tuas esquisitices nas compras e das nossas conversas. Da companhia que me fazes e que te faço.

p1030197 Até de me roubares os sapatos…!

p1030929

E confesso que as vezes, até de me começares a ralhar logo de manhã. Mas só as vezes…poucas! =)

Gosto muito de ti*

Comments (2)

Older Posts »